CPF suspenso: o que fazer para reverter situação

CPF suspenso: o que fazer para reverter situação

CPF suspenso: o que fazer para reverter situação

Para quem tem CPF suspenso, consequências como não poder abrir crediário em loja são apenas o começo. O cidadão nessa situação também não pode abrir conta corrente ou poupança, não pode tomar empréstimos, participar de concursos públicos, fazer passaporte, receber aposentadoria, assinar financiamento habitacional ou receber prêmio de loteria.  O que fazer nesse caso? Para onde correr? Onde consultar e modificar a situação?

CPF suspenso – como regularizar a situação cadastral do CPF

Hoje em dia, no caso de ter seu CPF suspenso, o que fazer de melhor e de forma mais rápida é procurar a Receita Federal, mas pode ser via internet. No site é possível emitir um comprovante de situação cadastral do CPF.

Assim, você vai saber se realmente teve seu CPF suspenso e o que fazer nessa situação. Ao fazer a sua consulta, há cinco opções de status de um CPF: regular, pendente de regularização, suspenso, cancelado e nulo. É preciso conferir, pois nem sempre um estabelecimento comercial poderá passar a informação correta.

No caso ter ter o CPF suspenso, o que fazer é atualizar o seu cadastro junto à Receita Federal, pois a suspensão ocorre quando há dados incorretos, como o número errado do Título de Eleitor na base desse órgão público.

No site da Receita Federal é possível emitir um comprovante de situação cadastral do CPF.

Onde posso fazer o pedido de regularização da situação cadastral do cpf suspenso

Existem vários meios de fazer a solicitação da regularização, formas gratuitas e pagas, conforme você verá abaixo:

  • Pela internet é possível fazer a solicitação de forma gratuita, desde que seu cpf esteja com a condição de suspenso;
  • Outra forma é procurar fazer a solicitação através de agencias da Caixa Econômica Federal, Correios e Agencia do Banco do Brasil, porém essa forma de solicitar a regularização da situação cadastral do CPF é paga, o valor atual é de 7 reais.
  • Se o constituinte estiver fora do Brasil, no exterior, é possível solicitar a regularização através das representações diplomáticas Brasileiras ou pelo numero de telefone: +55 11 3003 0146 onde você irá pagar somente as custas telefônicas.

O CPF pode estar em observação, pendente de regularização, suspenso, cancelado, como titular falecido, nulo e regular – Foto: Arquivo/Prefeitura de Garulhos

Regularizar CPF pela Internet

Se o documento estiver realmente suspenso, o melhor é procurar uma unidade da Receita Federal e regularizar a sua situação, levando os documentos necessários. Leve sempre os originais, para agilizar a retificação dos dados.

Mas pode ser feito pela internet também, através do site da receita federal é possível atualizar os dados cadastrais de seu cpf, basta que para isso seja preenchido o formulário eletrônico, disponível no endereço receita.fazenda.gov.br

Instruções sobre o pedido de regularização

Deve ser solicitado apenas pelo contribuinte que estiver com a situação cadastral suspenso e não esteve obrigado a entregar a Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física nos últimos cinco anos.

O pedido para regularizar a situação cadastral suspensa deve ser feita pelo próprio contribuinte (maior de 16 anos) desde que este não tenha tido a obrigação de entregar a declaração do imposto de renda nos últimos 5 anos.

E se não for caso de CPF suspenso, o que fazer para alterar status?

Independentemente do status que seu documento estiver, seja com CPF pendente de regularização, seja com CPF suspenso, você deve sempre procurar a Receita Federal.

Já o CPF pendente de regularização, por exemplo, geralmente ocorre por falta de entrega da alguma declaração de Imposto de Renda a que o cidadão estava obrigado, ou ainda de Declaração de Isento, que era obrigatória até 2007. No site da Receita Federal há uma série de esclarecimentos sobre o CPF, e o que fazer em cada caso.

Pessoas com o CPF suspenso têm uma série de inconvenientes. Elas não podem abrir conta corrente ou poupança, não podem tomar empréstimos, participar de concursos públicos, fazer passaporte, receber aposentadoria, assinar financiamento habitacional oficial ou receber eventual prêmio de loteria.

CPF suspenso: consequências vão do Imposto de Renda à conta bancária 

Geralmente, apenas um motivo leva torna o CPF suspenso: consequências de erros nos dados do cidadão junto à Receita Federal. Um exemplo é o Título de Eleitor cadastrado com o número incorreto nas bases da Receita.

É interessante saber quando você verifica um problema no CPF por meio de um estabelecimento comercial, nem sempre é CPF suspenso. Consequências por não entregar uma declaração de Imposto de Renda, por exemplo, colocar o seu documento no status de “pendente de regularização”.

Hoje em dia, o cidadão pode se informar sobre o status do seu CPF pela internet. No site da Receita Federal é possível fazer uma consulta gratuita. Basta digitar o número do CPF e a data de nascimento, que o sistema informa seu nome completo, a situação cadastral do seu CPF, sua data e inscrição e o dígito verificador.

Você vai se interessar por:

CPF suspenso: consequências são negativas, mas é fácil de regularizar

Além do CPF suspenso, consequências de irregularidades ainda podem colocar seu documento no status de “pendente de regularização”, “cancelado” e “nulo”. Quando tudo estiver correto, ele aparece como “regular”. No site da Receita Federal  há uma série de perguntas e respostas sobre o documento.

Definitivamente, ficar com o CPF suspenso é um problema e tanto. Em algum momento da sua vida, você vai precisar fazer coisas como abrir conta em banco ou, mais tarde, receber aposentadoria. Por conta disso, é bom verificar direitinho a sua situação e, em caso de irregularidade, reverter o quanto antes.

By | 2018-11-28T16:17:18+00:00 October 24th, 2018|Finanças|0 Comments

Leave A Comment